quarta-feira, 14 de abril de 2010

OVE

Porque não há mais ninguém que esteja tão aqui dentro...


video

24 comentários:

Sofia Duarte disse...

Vou pegar num comboio e ir até ti...

Raptar-te juntamente com o vento e esvoaçar por aí...

Queres ir onde as estrelas se recolhem em cada dia se se atrapalha pelas horas da manhã? ^^

Saudades, são saudades que se apertam por aqui...

^^ Um beijo, daqueles que voam... Para chegar a ti ^^

Anônimo disse...

QUE É DE TI?

Minha feia disse...

estou cansada...

Anônimo disse...

estás cansada de quê?!que posso fazer? :)

Anônimo disse...

Escadaria Para o Paraíso
Há uma senhora que acredita que tudo o que brilha é ouro
E ela está comprando uma escadaria para o paraíso
Quando ela chega lá ela descobre que se as lojas estiverem todas fechadas
Com apenas uma palavra ela consegue o que veio buscar


E ela está comprando uma escadaria para o paraíso


Há um cartaz na parede mas ela quer ter certeza
Porque você sabe que às vezes as palavras têm duplo sentido
Em uma árvore a beira do riacho há um rouxinol que canta
Às vezes todos os nossos pensamentos estão errados.


(2x)
Isto me faz pensar


Há algo que sinto quando olho para o oeste
E meu espírito chora ao partir
Em meus pensamentos tenho visto anéis de fumaça atravessando as árvores
E as vozes daqueles que ficam parados olhando


Isto me faz pensar
Isto realmente me faz pensar


E um sussurro avisa que em breve se todos entoarmos a canção
O flautista nos levará à razão
E um novo dia irá nascer para aqueles que suportarem
E a floresta irá ecoar gargalhadas


Woe, oh
Se há um alvoroço em sua horta
Não fique assustada
É apenas limpeza de primaveril da rainha de maio


Sim, há dois caminhos que você pode seguir
Mas na longa estrada
Há sempre tempo de mudar o caminho que você segue


E isso me faz pensar


Oh

Sua cabeça lateja e não vai parar caso você não saiba
O flautista te chama para você se juntar a ele
Querida senhora, pode ouvir o vento soprar? e você sabia
Sua escadaria repousa no vento sussurrante


E enquanto corremos soltos pela estrada
Com nossas sombras mais altas que nossas almas
Lá caminha uma senhora que todos conhecemos
Que brilha luz branca e quer mostrar


Como tudo ainda vira ouro
E se você ouvir com atenção
A canção irá finalmente chegar a você
Quando todos são um e um é o todo


Ser uma rocha e não rolar


Oh


E ela está comprando uma escadaria para o paraíso...



esta é para ti :)

Minha feia disse...

podes fazer isso...

virar-me do avesso...

Anônimo disse...

preciso de ti do avesso!

Minha feia disse...

as vísceras agradam-te?

Anônimo disse...

sim, de todo! as tuas vísceras são de "comer e chorar por mais". a luz que brota de ti é imensa e eu quero senti-la a todo o tempo!

Minha feia disse...

luz... lúcifer... o anjo da luz... o diabo... tem cuidado... oh misterioso...

Anônimo disse...

lúcifer é aquele que dá luz, que ilunina.o diabo não é lúcifer!tu podes ser lúcifer mas não és diabo!o único cuidado que devo ter é em preservar pessoas como tu, desejando o sangue das tuas visceras! :)

Minha feia disse...

quem dá luz é o mantorras!!!
Mai nada! =P
Deduzo que não te queiras identificar!! Por um acaso receias alguma obscuridade minha ou preferes simplesmente ficar na tua obscuridade?...

Porque se preferes... podíamos realmente ficar por aqui neste espaço que não é real nem ilusão... um tempo suspenso...

a ausência da nossa presença =)

Minha feia disse...

mas confesso que andas a alimentar uma grande ratazana chamada curiosidade...

Anônimo disse...

ok, o Mantorras é lúcifer! :) Faz tempo que venho falando ctg neste espaço, na ausência de nós! é certo que prefiro ficar na minha obscuridade, alimentando cada vez mais a tua curiosidade...lol desta forma, sigilosa, enquanto te aprecio, eu sou teu e tu és minha...

Minha feia disse...

...se alguém pudesse pertencer a... se alguém fosse pertence de...
...esse alguém estaria em grande risco... é demasiado mortal o ser-se de outrem...

ou não concordas comigo?
ajuda-me a divagar...

o ser humano é completamente indomável e deseja algo que também seja indomável... assim que se vê aprisionado numa rotina ou pressente ter algo garantido... ele foge... ou expulsa ou repudia... somos bichos complicados que queremos possuir sempre o impossuível... mas é aí que reside a magia... a força de viver... é como no teatro... vive-se da contradição de forças opostas...

Anônimo disse...

enquanto és tu e observo-te, o que consigo capatar de ti é meu...tu, eu, ninguém pertence a ninguém...não devemos nos encarcerar, privar de qualquer liberdade os nossos sentidos...nunca nos devemos privar do risco aventureiro...não nos privaremos de conhecer, nem de mostrar as nossas visceras. o ser humano é um factor biótico dependente de todos os outros factores bióticos e abióticos...só é feliz enquanto celebra a sua alegria de viver com todos os outros. Amo-te não sendo teu mas td que te dou de mim pertence-te. Amo a natureza e todos os seus seres, principalmente aqueles de espirito livre como tu.devemos ser indomáveis e contraditórios...assim nos libertamos.

Anônimo disse...

algo para ti sol brilhante(lúcifer) :)

Voltando à Vida
Onde você estava quando fui queimado e despedaçado
Enquanto os dias passavam pela visão da minha janela
Onde você estava quando fui ferido e estava indefeso
Porque as coisas que você diz e faz me rodeiamEnquanto você se agarrava às palavras de outro
Morrendo pra acreditar no que você ouvia
Eu estava esperando bem dentro do sol brilhante


Perdido no pensamento e perdido no tempo
Enquanto as sementes da vida e as sementes da mudança eram plantadas
Lá fora a chuva caía escura e devagar
Enquanto eu refletia sobre esse perigoso porém irresistível passatempo
Eu fiz um passeio paradisíaco através do nosso silêncio
Eu sabia que o momento havia chegado
De matar o passado e voltar à vida


Eu fiz um passeio paradisíaco através do nosso silêncio
Eu sabia que a espera havia começado
E fui direto...pra dentro do sol brilhante

http://www.youtube.com/watch?v=nVxnNNGjubg&feature=related


;)

Minha feia disse...

Obscuro...

obrigado... mas as tuas palavras parecem-me nuvens...

subo, subo... aconchego-me e acordo no chão... há coisas assim... só conseguem viver na estratosfera...

Minha feia disse...

Não nego porém que me encantas com a descrição e a subtileza dos teus gestos... vivo de coisas assim... microscópicas***

Anônimo disse...

são essas pequenas coisas que nos aquecem por dentro e fazem-nos ver o quanto maravilhosa a vida humana é. é bom trocar sentimentos positivos! tu encantas-me a todo o tempo minha feia!so me resta retribuir-te com alguma graça de mim...

Minha feia disse...

... És feliz?

Anônimo disse...

por vezes sou!penso que não existe felicidade constante mas também penso que por vezes não o somos por nos deixar-mos contaminar por futilidades e mesquinhices ou por não ter-mos a coragem devida para o ser-mos. penso que a felicidade está ligada à capacidade para amar e para compreender a nossa natureza.
As pessoas que não amam não se desprendem do corpo. é como se a sua alma ficasse retida num frasco. ninguém é feliz dessa forma. muita gente é infeliz por outras pessoas não saberem amar...
e tu, és feliz?

Minha feia disse...

hum... a alma guardada num frasco... que odor sairia quando soltasses a tua alma?
a que iria cheirar a tua alma nua=)

Medo? Borboletas? Amoras? Hambúrgueres do Mac? Livros? Chulé? Erva? =P

...hum... se eu sou feliz? =)
normalmente sou eu que faço essa pergunta!!

...procuro-a... não para uma auto-satisfação... mas também é mais que um prazer mútuo...
no fundo é o outro...
vivo para o outro ... e sinto que a minha vida é bonita quando vivo para o outro...

Anônimo disse...

:) eu também sou feliz da mesma forma e, por vezes, peco ao colocar a felicidade dos outros à frente da minha. mas é assim que eu sou!fora isso, admiro-te e gosto de ti por seres assim...

odor a amoras